Tempo São Paulo, SP

Últimas Notícias

Dia Mundial da Reciclagem

05/17
12:13 2018

Por Amanda Carolina



Comemorado no dia 17 de maio, O Dia Internacional da Reciclagem foi instituído pela UNESCO uma data de reflexão sobre as questões ambientais e sobre o consumismo. Quase todas as atividades humanas geram resíduos , em vários lugares do nosso Planeta Terra e todo o processo de geração e armazenamento do lixo sem a reciclagem, resultam em problemas sociais, ambientais e econômicos.  No dia em que se comemora  Mundialmente o Dia da Reciclagem, temos muito pouco a comemorar, apesar dos avanços na legislação com a Politica Nacional de Resíduos Sólidos, ainda  caminhamos lentamente, tanto como cidadão, como comunidade e como povo. Vale lembrar as boas práticas e parte de hábito de muitas pessoas e empresas, mas verificando o quanto no momento presente é reciclado e quanto é o objetivo a se alcançar, vemos que há uma enorme distância a ser percorrida. Para se ter  ideia da gravidade desta situação, dados divulgados pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe) apontam que a quantidade de lixo produzido no Brasil vem batendo recorde ano após ano. Em 2016, foram  geradas 112 milhões de toneladas de lixo em todo o País, número 6% maior do que o gerado em 2015, um dado bastante alarmante, isso porque a quantidade de lixo produzido no Brasil cresce a uma taxa cinco vezes maior que o da população.



Apesar de muitas cidades contarem com serviços de coleta seletiva destinados, especificamente à reciclagem, existem locais em que não existe esse serviço. Para dar conta dessa demanda, existem diversos catadores de itens recicláveis que por sua vez podem atuar tanto por si mesmos como para uma cooperativa de reciclagem de resíduos. Esses profissionais são fundamentais para aumentar a porcentagem do lixo que é reciclado no Brasil. Por um lado, diversas iniciativas têm sido implementadas para diminuir a quantidade de resíduos gerados exemplo de embalagens econômicas e retornáveis, que diminuem os impactos ambientais causados durante sua produção, por outro lado é necessário explorar mais e melhor a Reciclagem.



Essas iniciativas, entretanto, ainda não são suficientes, falta educação para a reciclagem, falta qualificação de profissionais para implantarem os projetos, falta determinação política dos nossos governantes, falta interesse de muitas indústrias, do comércio, dos serviços. Enfim faltam muitas coisas para se comemorar este dia, que deveria inclusive ser mais divulgado, o que apenas vemos, são poucas ações isoladas de alguns organismos e empresas que se dedicam ao assunto e ao processo de reciclagem de forma sistemática, ainda temos muito pouco resíduo sólido sendo reciclado.



Mas um setor de extrema importância econômica que adota boas práticas de reciclagem é o de papel: 63,4% de todo o papel com potencial de reciclagem do Brasil é reaproveitado, sendo que essa taxa aumenta a cada ano, segundo a Associação Nacional dos Aparistas de Papel. As empresas de reciclagem que fazem um excelente trabalho e contam com o trabalho árduo dos catadores se limitam a reciclar apenas os produtos com maior aceitação no mercado. Faltam incentivos para que as indústrias se conscientizem de que devem caminhar já para a logística reversa de seus produtos e ampliar o percentual de reciclagem. A logística reversa é um processo que encarece o preço final do produto e nossos governantes e legisladores deveriam criar mais.



Nas grandes cidades, com maiores geradores de resíduo sólido, não vemos iniciativas para se criar uma política de governo voltada para a reciclagem, nem para a coleta seletiva, mesmo sabendo que a Lei 12305/2010 imporá  a eles num futuro próximo, o peso do ônus em não obterem financiamentos federais.  Que a lei seja dura e não se prorrogue prazos para a implantação definitiva da reciclagem.



Uma oportunidade para recordar a estratégia de Reduzir, Reutilizar e Reciclar, que visa redirecionar o comportamento de todos os cidadãos, com vista a melhorar o grande flagelo do século XXI, os resíduos sólidos urbanos.  



Com projetos e ações de reciclagens lideradas hoje por Ongs, Associações, Fundações e Empresas, levando a prática de reciclagem desde os profissionais que recebem a oportunidade de terem uma vida melhor dos centros de reciclagem de lixo, até as crianças de todas as idades, que desde cedo aprendem a importância de reduzir o consumo de embalagens e reutilizar os materiais que demoram anos para se decompor. E a reciclagem poupa os recursos naturais, reduz a poluição e cria empregos, e sem dúvida uma excelente maneira de reverter as mudanças climáticas todos os dias.



Este ano, em 17 de Maio, é extremamente importante que continuemos nossos esforços para reciclar todos os dias os resíduos úteis. Desta forma, estaremos diminuindo o petróleo e o consumo de água, CO 2 de emissões, consumo de energia e cidades com melhor reaproveitamento de tudo o que consumimos e para que isso seja sanado, é preciso que lembremos da necessidade de aderirmos as atitudes relacionadas aos conceitos pautados pela Agenda 21 (ECO-92) Reduzir, Reutilizar e praticar, dentro da Reciclagem, a coleta seletiva, que nada mais é que a separação dos materiais que podem voltar para o ciclo produtivo e evitar a retirada de mais recursos naturais.



Dia Mundial da Reciclagem é um dia projetado para tornar todos os seres humanos conscientes de como é importante que eles tratem o lixo de forma adequada, de modo a não contribuir para as mudanças climáticas e proteger o mais o Meio Ambiente. A reciclagem está ganhando uma posição de respeito, já está presente nos lares, empresas e ruas, mas é preciso agir mais.



Ressaltamos um mérito de todos que acreditaram que a redução e reutilização dos materiais é de extrema importância para a diminuição do lixo no nosso Planeta Terra.



Nesse processo de reciclagem, preserva-se o Meio Ambiente, diminui a poluição do solo, da água, do ar, reduz o custo de produção e diminui o problema com o descarte e ao mesmo tempo estamos evitando toneladas de lixo que está sendo gerado.



Portanto, mesmo que a porcentagem de lixo reciclado no Brasil ainda seja baixa como um todo,diversos setores dão exemplos mundiais e que devem ser seguidos pelos demais.



Portanto, no Dia Mundial da Reciclagem vale a reflexão sobre nosso papel na produção do lixo individual e o coletivo e de certa forma como é importante colaborar para menos consumismo e mais separação do nosso resíduo produzido.



 


Fonte: Jornal do Meio Ambiente do estado de São Paulo

 

 

Comentários (0)

Escreva um comentário





Comentários


Mais Notícias

Monitoramento por satélite identifica desmatamento ilegal de 2,6 mil hectares em áreas cobertas por nuvens em MT Leia Mais!
Ibama combate plantio de transgênicos em Terras Indígenas no oeste de MT Leia Mais!
Hoje é o Dia Mundial dos Oceanos Leia Mais!
Ibama identifica 1.277 animais à venda em redes sociais e realiza operação em 15 estados Leia Mais!
Congresso debate lixo zero nas cidades Leia Mais!
Semana do Meio Ambiente para você refletir, colaborar e celebrar Leia Mais!
MMA implanta novos coletores de lixo Leia Mais!
Ibama realiza maior apreensão de madeira nativa da Amazônia em SP Leia Mais!
País impulsiona economia de baixo carbono Leia Mais!
Publicada lei da compensação ambiental Leia Mais!
Concessões florestais serão monitoradas por drones Leia Mais!