Tempo São Paulo, SP

Últimas Notícias

Preservar nosso Litoral

01/02
20:28 2018

Conhecer e Preservar o nosso extenso Litoral Brasileiro, um direito e dever de todos.



O Brasil é o quinto maior país do mundo em extensão territorial, com 8.514.876 km².Possuindo um litoral com 7.491 km, banhando a leste pelo Oceano Atlântico. Se forem consideradas as saliências e reentrâncias do litoral, o contorno da costa brasileira aumenta para 9.200 km. O litoral brasileiro éextenso e pouco recortado. A plataforma continental (terreno crosta terrestre que avança para o mar), tem profundidade média de 200 metros e largura média de 90 km. Toda essa extensão, concede uma diversidade de paisagens ao longo da costa, onde se alternam dunas, falésias, praias, mangues, recifes,baías, restingas, estuários e recifes de corais. Nosso extenso litoral aliado à sua geográfica confere ao país importante destaque geopolítico e estratégico.Condições climáticas propícias favorecem o transporte maritímo, que ocorre o ano inteiro, entre as principais atividades econômicas, estão a pesca e o turismo.Devido à sua extensão e por suas características comuns, o litoral brasileiro é dividido em Norte, Nordeste,Sudeste e Sul.



O litoral Norte vai da foz do Rio Oiapoque ao delta do Rio Parnaíba. Apresenta grande extensão de manguezais exuberantes, assim como matas de várzeas de marés, composta de dunas e praias, apresentando rica biodiversidade em espécies de crustáceos, peixes e aves. O litoral do Nordeste começa na foz do Rio Parnaíba e vai até o Recôncavo Baiano,marcado por recifes calcíferos e areníticos, além de dunas, que perdem a cobertura vegetal que as fixam, movendo-se com ação do vento.Havendo nessas áreas manguezais, restingas, lagunas e matas. Nas águas do litoral nordestino, vivem o peixe-boi marinho e as tartarugas, ambos ameaçados de extinção. O litoral Sudeste segue do Recôncavo Baiano até São Paulo, uma área densamente povoada e industrial do país. Suas áreas características são as falésias, os recifes e as praias monáziticas (mineral de cor marron escura). Sendo dominada pela Serra do mar e tem costa muito recortada, com várias baías e pequenas enseadas. O ecossistema mais importante dessa área é a mata de restinga. Essa parte do litoral é habitada pela preguiça-de-coleira e pelo mico-leão-dourado, ambos ameaçados de extinção. O litoral Sul começa no Paraná e termina no arroio Chuí, no Rio Grande do Sul, com vários banhados e manguezais, um ecossistema riquíssimo em aves,mas existentes também outras espécies, ratão-do-banhado, lontras, ambos ameaçados de extinção.



Ao longo da costa, existem ilhas marítimas, divididas em dois grupos.

As costerias estão próximas ao litoral, se encontram apoiadas na parte do relevo do continente que avança para o mar. Ilhas Costeiras mais conhecidas abrigam as capitais de estado como São Luís(MA), Vitória(ES) e a ilha de Santa Catarina no estado de (SC). Ilhas que se destacam pelo turismo, Itaparica(BA), Ilha Grande no (RJ) e São Sebastião(SP). Há ainda ilhas costerias que se destacam pela importância ecológica como Abrollos, composto por um grupo de recifes, corais e ilhas vulcânicas, distante aproximadamente 70km da costa brasileira na região Sul do estado da Bahia. Já as Ilhas Oceânicas, são aquelas distantes do litoral, ilhas que estão apoiadas no fundo do oceano, entre as principais estão os arquipélagos de Fernando de Noronha, atol das Rocas, os penedos de São Pedro e São Paulo, as ilhas de Trindade e Martim Vaz.Possuindo ainda algumas das maiores ilhas fluviais do mundo, como a ilha de Marajó, com 50 mil km², considerada a maior ilha flúvio marinha do mundo,situada na foz do Rio Amazonas, no estado do Pará, considerado um dos grandes santuários ecológicos do mundo. E também a ilha do Bananal, com 20 mil km² de área, sendo a maior ilha fluvial do mundo, localizada no Estado do Tocantins.



O nosso Litoral é de grande importância para o nosso país, um sistema natural e econômico, onde as principais capitais e cidades localizam-se na zona costeira e mais de 47% da população reside nessa faixa. Além dos mares e oceanos que desempenham um importante papel na vida humana, serve como fonte de alimentos, via de comunicação entre as diferentes regiões do planeta, contendo inúmeras riquezas minerais. A costa litorânea é relevante para o turismo e lazer, o que nos dá o direito de usufruir e o dever de preservar.



Nesse verão, o legal é preservar nossas praias, conscientizando a população da importância de manter praias e mares limpos, onde o lixo mal descartado e poluição das praias, atingem os ecossistemas marinhos e costeiros que geram danos significativos aos seres vivos que ali habitam. Calor e praia combinação perfeita para essas férias. Mas muitas pessoas ainda mantêm um hábito ruim e prejudicial para a fauna marinha, o ato de jogar lixo na praia. Orientamos e conscientizamos que frequenta as praias, uma necessidade de manter e preservar as praias limpas, coletar e reciclar seus lixos produzidos, evitando assim, a propagação de doenças e a degradação do meio ambiente nas praias.

Portanto, nesse verão curta suas férias, desfrute de nossas belíssimas praias, mas lembre-se  de fazer sua parte, colabore com o meio ambiente  nas praias,coletando e reciclando o lixo produzido. Cada um fazendo sua parte, todos usufruindo e preservando, tornando assim um país de  atitudes e exemplo de sustentabilidade.



Por Amanda Carolina


Fonte: Jornal do Meio Ambiente do estado de São Paulo

 

 

Comentários (0)

Escreva um comentário





Comentários


Mais Notícias

Monitoramento por satélite identifica desmatamento ilegal de 2,6 mil hectares em áreas cobertas por nuvens em MT Leia Mais!
Ibama combate plantio de transgênicos em Terras Indígenas no oeste de MT Leia Mais!
Hoje é o Dia Mundial dos Oceanos Leia Mais!
Ibama identifica 1.277 animais à venda em redes sociais e realiza operação em 15 estados Leia Mais!
Congresso debate lixo zero nas cidades Leia Mais!
Semana do Meio Ambiente para você refletir, colaborar e celebrar Leia Mais!
MMA implanta novos coletores de lixo Leia Mais!
Ibama realiza maior apreensão de madeira nativa da Amazônia em SP Leia Mais!
País impulsiona economia de baixo carbono Leia Mais!
Publicada lei da compensação ambiental Leia Mais!
Concessões florestais serão monitoradas por drones Leia Mais!